CADEIRA 3

ACADÊMICOSQUADRO ACADÊMICO

José Édil de Lima Alves

É graduado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), mestre em Literatura Portuguesa e doutor em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Exerceu o magistério superior na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Uruguaiana (Fafiur), na PUCRS, em Porto Alegre, e na Universidade Federal de Pelotas (UFPEL) e na Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), em Canoas.

Pertenceu ao Conselho Editorial da revista Letras de Hoje, da PUCRS, e ao Conselho Editorial da revista Textura, da Ulbra/Canoas. Tem inúmeros artigos publicados em revistas e jornais do Brasil, da Espanha e de Portugal, bem como participação em obras coletivas, editadas aqui e em Portugal, como "Erico Veríssimo: provinciano e universal" e "Mario Quintana: cotidiano, lirismo e ironia". Publicou também "Pessoa e Camões: três análises divergentes" e "Sistema educacional em questão", ambos pela Editora Movimento, "A paródia em novelas folhetins camilianas" (Icalp, Lisboa) e "História da literatura portuguesa: fundamentos de geografia e de história", pela Editora da Ulbra.

Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Literaturas de Língua Portuguesa e Espanhola, atuando principalmente nos seguintes temas: pessoana, experimentalismo, literatura portuguesa, épica moderna e esoterismo.

continue lendoVOLTARcontinue lendo

Academia Rio-grandense de Letras

PATRONOS

CADEIRA 19

João Cezimbra Jacques

(por José Francelino de Araújo)

O pioneiro João Cezimbra Jacques teve sua vida assinalada por dois pontos fundamentais: o infortúnio e o pioneiris-mo. Seu pai, ainda moço, morreu na guerra do Paraguai, onde também servia João Cezimbra Jacques, com apenas 18 anos de idade, engajado no 2o Regimento da Cavalaria. Sua mãe, esposa e filhos faleceram jovens.

Nasceu na rua do Acampamento, em Santa Maria, no dia 13 de novembro de 1849 e morreu no Rio de Janeiro, aos 73 anos de idade. Seu pioneirismo se revela por inúmeras iniciativas: como escritor abordou assuntos até...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo