Acadêmica Kathrin Rosenfield lança nova obra sobre Antígona

Foto: Isadora Neumann / Agência RBS

 

Nesta quinta-feira, dia 30 de março, foi lançado, no Instituto Ling, o livro "Antígona, intriga e enigma: Sófocles lido por Hölderlin", da acadêmica Kathrin Rosenfield.

Nas palavras de Jacó Guinsburg: Tomado por Dioniso, mas encantado com Apolo, entre as luzes do classicismo de Goethe e as sombras ou penumbras de seu próprio ultrarromantismo, Hölderlin faz a sua leitura renovadora da Antígona de Sófocles. Vai buscá-la não apenas na praça meridiana do Agon, mas no abismo titânico da mitografia. E é aí que a análise de Kathrin H. Rosenfield vai iluminá-lo em "Antígona, Intriga e Enigma: Sófocles Lido Por Hölderlin", com toda a força renovadora da sua erudição histórica, do seu agudo senso crítico e da clara percepção do seu objeto. Liberta-se assim, para o leitor brasileiro de hoje, a figura de corpo inteiro desse poeta que, ridicularizado em seu tempo, alforriou os versos gregos de camadas e mais camadas de interpretações anacrônicas e cristianizantes. E você, em sua companhia, guardado por ela, caro leitor, especialista ou não, poderá decifrar esse clássico enigma ou ter uma ideia instigante das peripécias trágicas que tornam a figura de Antígona, para nós, uma personagem viva no imaginário ou na cena do século XXI, e o texto de Sófocles um poema redivivo pelo sopro da eternidade criativa.

Mais informações na matéria de Fábio Prikladnicki no jornal Zero Hora, que pode ser lida AQUI