O período de Comunicações da Câmara Municipal de Porto Alegre foi destinado a homenagear a Academia Rio-Grandense de Letras e a entregar a Comenda Porto do Sol à entidade. A proposta do evento teve a autoria da vereadora Lourdes Sprenger (PMDB), que destacou que a Academia foi fundada no dia 1º de dezembro de 1901, sendo uma sociedade civil sem fins lucrativos que tem como objetivo o permanente estímulo à cultura e à preservação dos bens literais. "Os vereadores desta Capital reafirmam o seu compromisso com a elaboração da cultura por meio de entidades como a Academia Rio-Grandense de Letras", disse.
 
A vereadora ressaltou que muitos artistas não têm reconhecida a sua obra no estado, contudo, é preciso lembrar que a cultura somente é feita por aqueles que veem em sua arte um mote para a promoção de uma sociedade mais cultural. "Diversos artistas passaram pela Academia Rio-Grandense de Letras e quero, com esta homenagem, lembrar de todos que fizeram parte da história da entidade", afirmou. Lourdes destacou que, diante de grandes exemplos da literatura lembrados no dia de hoje, a homenagem é para  aqueles que fizeram e fazem da Academia uma entidade representativa e atuante na sociedade gaúcha.
 
O presidente da Academia Rio-Grandense de Letras, Avelino Alexandre Collet, afirmou que se sensibilizou com a homenagem feita pela Câmara Municipal e disse que este evento é de extrema importância para a história da entidade. "Em nome da Academia, saudamos a todos os presentes e lembramos que, daqui 14 dias, estaremos completando 114 anos de história de lutas em favor da literatura regional e brasileira", disse. O presidente destacou ainda que, na história da entidade, passaram os mais renomados intelectuais que o Rio Grande sul já teve e que a Academia está promovendo congressos com outras entidades do interior do estado para continuar na busca pela promoção da cultura e da literatura. "Na abençoada missão de escrever, os intelectuais irrompem na contemporaneidade para transmitir o engrandecimento que é viver e cultuar as letras", concluiu.     
 
Com informações da Câmara Municipal de Porto Alegre (CMPA)
Texto: Juliana Demarco (estagiária de Jornalismo)
Edição: Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062)
Fotos: Guilherme Almeida (CMPA)
 
Avelino Collet, Presidente da Academia, recebe diploma e dedalha das mãos da vereadora Lourdes Sprenger.
 
Imortais da Academia Rio-Grandense de Letras recebem os cumprimentos dos vereadores porto-alegrenses.