TEXTOSENSAIOS

Frei Rovílio Costa: um mestre a serviço dos livros em tempo integral - Waldomiro Manfroi
16 de novembro de 2016

Na concepção de Paulo Freire, professor não deve se portar como um ente superior que transmite seus conhecimentos.  Ser professor é garimpar, junto aos jovens, caminhos para a construção do conhecimento...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo

Centenário da morte de Caldre e Fião (1976) - Dante de Laytano
04 de agosto de 2016

José Antônio do Vale Caldre e Fião, o autor do primeiro romance gauchesco e figura que exerceu notável influência no seu tempo não só como médico dos mais brilhantes, mas deputado combativo, presidente...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo

História Cultural, Literatura e Cinema - Moacyr Flores
07 de junho de 2015

A história cultural tem como objetos de estudo a literatura e as artes, que nos permitem captar o imaginário e as mentalidades de uma sociedade. A literatura e o cinema são fundamentados na narrativa que reproduz os modos de agir,...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo

O Corimbo - Hilda Agnes Hübner Flores
14 de março de 2015

(Hilda Agnes Hübner Flores é historiadora, presidente do CIPEL e membro da ARL - Cadeira 20.)   Um jornal que do século XIX circulou na cidade portuária de Rio Grande, foi o Corimbo, muito especial por sua longevidade e...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo

Academia Rio-grandense de Letras

PATRONOS

CADEIRA 23

Caldas Júnior

(por Zélia Helena Dendena Sampaio)

 Francisco Antônio Vieira Caldas Júnior nasceu em Porteiras, município de Vilas Nora, Sergipe, em 13 de dezembro de 1868, filho de Francisco Antônio Vieira Caldas e Maria Emília Wanderlei Caldas. O primário foi feito em casa com o auxí lio dos professores particulares Antônio Lago e Guilhermina Lima em Santo Antônio da Patrulha, Rio Grande do Sul, para onde a su família se mudou em 1872.

Concluiu o secundário em Porto Alegre no Colégio São Pedro em 1883. Foi de 1885 a 1888 revisor e...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo