NOTÍCIAS

Edital de abertura do período para inscrição de candidatos à Cadeira nº 36

25 de janeiro de 2024

Em atendimento ao Art. 4 do Regimento da Academia Rio-Grandense de Letras, Airton Ortiz, presidente do sodalício, publica o presente edital de abertura do período para inscrição de candidatos à Cadeira 36 da Academia, cujo patrono é o escritor Lindolfo Collor.

São requisitos para a inscrição:

  1. Nascer no Rio Grande do Sul ou residir no Estado há dez anos, no mínimo.
  2. Idoneidade moral e conduta social e associativa ilibadas.
  3. Notabilizar-se por sua obra intelectual.
  4. Disponibilidade de tempo e saúde para participar das atividades da Academia.
  5. Conhecer o Estatuto e o Regimento Interno da Academia (disponível no site arl.org.br).
  6. Apresentar pedido de ingresso, indicando dados da sua identidade: nome completo, filiação, data de nascimento, profissão, endereço, telefone e e-mail ou similar, além de curriculum vitae, relação dos seus títulos e lista das suas obras publicadas, com respectivas resenhas.

No tocante ao requisito 5, é de particular importância que o candidato conheça os deveres do acadêmico, estabelecidos no Art. 10 do Estatuto.

No tocante ao requisito 6, cumpre destacar que o pedido de ingresso deve ser encaminhado para e-mail contato@arl.org.br. Na carta, além dos dados acima especificados, o candidato deve manifestar claramente seu desejo de concorrer à eleição para a Cadeira 36 e declarar conhecimento do Estatuto e do Regimento da Academia Rio-Grandense de Letras.

Prazo de inscrições: Até dia 25 de fevereiro do corrente.

Porto Alegre, 25 de janeiro de 2024.

 

Airton Ortiz
Presidente

Academia Rio-grandense de Letras

PATRONOS

CADEIRA 30

Gregório da Fonseca

Gregório Porto da Fonseca nasceu em Cachoeira do Sul, Rio Grande do Sul, em 17 de dezembro de 1875, filho de Marcos Gonçalves da Fonseca Ruivo e Luiza Mariana Porto da Fonseca. Estudou na Escola de Guerra de Porto Alegre. Oficial do exército, Gregório da Fonseca foi reformado como tenente-coronel.

De 1930 a 1934 foi Secretário da Presidência da República. Apesar de ser nomeado Embaixador do Brasil junto à Santa Sé, não chegou a assumir o posto. Poeta, conferencista e crítico, Gregório da Fonseca foi membro do Clube Literário...

continue lendoCONTINUE LENDOcontinue lendo